Entrevista ao Jornal Diário da Região

“Eu gosto da palavra exótico porque diz que algo está fora da ótica ‘normal’. “Ex-ótica” é algo que foge da nossa ótica, do que o olho está vendo na frente. É algo que está além do que você pode enxergar e se é exótico dessa forma, que seja no plano e sentido positivo da palavra …
É preciso também que enxerguemos além da ótica. Além do que o nosso olho está observando. Eu acho que se pensarmos assim, Jesus de Nazaré também foi ‘exótico’ porque ele dizia assim: “Se você não acredita no que vê, como é que você irá acreditar naquilo que você não vê”? Esse seria o exotismo de Jesus. Na verdade muito do meu trabalho é retirar as pessoas daquilo que elas estão vendo como estabelecido para que elas passem a ter uma nova visão. É preciso ter uma nova ótica da vida. Ajudo-as, apenas, a enxergar com novos olhos o que está ao seu redor e com isso ajudo as pessoas a caminhar de uma maneira melhor.”
Trecho da entrevista ao Jornal Diário da Região: site

Relacionados:


Agenda:


Assine nossa newsletter!

Cadastre seu e-mail e receba informativos sobre nossos programas e cursos.

2015 Doutor Alberto Peribanez Conzalez
Desenvolvido por BT Design